RSS

Arquivo da categoria: Games

Empresas usam videogames para selecionar funcionários

Não é apenas no jornalismo que os games têm ganhado cada vez mais espaço. Agora também eles estão presentes em entrevistas de emprego.. a notícia é da UOL com créditos para a agência espanhola EFE.

Segundo a reportagem, as empresas partem da premissa de que esses jogos permitem conhecer qualidades como criatividade e capacidade para trabalhar em equipe.

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 01/09/2009 em Cibercultura, Games, Internet

 

Social Games e o Facebook

Social Media, por Raquel Recuero. Ótimo Blog. Ótimos textos.

Em Social Games e o Facebook, Recuero diz: “Em outros jogos, como no FarmVille a diversão está em competir diretamente com seus amigos e verificar o quanto você consegue ser melhor que eles. De um modo ou de outro, o valor social desses jogos é potencializado pela ferramenta, que permite que os atores publiquem e dividam resultados com sua rede social, negociem presentes, compitam e cooperem de forma coletiva”.

Sobre a competição que se estabelece em alguns jogos, o amigo e colega de pesquisas em Portugal, Tiago Gomes, virá, em breve, com a sua dissertação de Mestrado discutindo todos os fatores que podem tornar um jogo motivo de sucesso, inclusive a “competição”. No caso do FarmVille, o que me leva a “jogar” é mesmo o lazer em meio à correria do dia a dia. Não jogo FarmVille para competir e até elogio as fazendas alheias – ou “quintas”, como se diz em Portugal.

Além de Recuero e Tiago, aconselho as leituras do Nélson Zagalo, outro nome a ser considerado nas pesquisas sobre jogos.

 

Videojogos na universidade

Convido-vos a visitar um blogue que sempre faz referência à área dos videojogos.. o Virtual Illusion do professor português Nélson Zagalo. Outro que vez ou outra anda às voltas do assunto é o jornalista André de Abreu.

Passando pelo Virtual Illusion, encontrei isto:

“No próximo ano lectivo 2009/2010 a oferta superior na área de Videojogos passará a contar pela primeira vez com ofertas integralmente direccionadas aos videojogos em diferentes modalidades: licenciatura e pós-graduação. Estas ofertas vêm sedimentar a área após a criação de várias cadeiras em várias universidades do país.

O IPCA será a primeira instituição nacional a oferecer uma licenciatura inteiramente versada na área: Engenharia e Desenvolvimento de Jogos Digitais.

A ESAD oferecerá a primeira pós-graduação com um valor de 45 ECTS: Pós-Graduação em Design de Videojogos. Esta formação conta com o apoio da empresa Seed Studios.”

 
 

Tags: , ,