RSS

Arquivo da categoria: Videojogos

Mudamos!

O blog “Do Analógico ao Digital”, inicialmente pensado para pesquisar e acompanhar o jornalismo na web, mudou, e está em novo endereço. Para continuar acompanhando o nosso trabalho, agora um espaço virtual para reflexão sobre Tecnologia, Educação e Comunicação, acesse O Café Digital.

 

Jogo é projetado para ensinar conceitos básicos sobre Física

Cada vez mais os jogos ganham espaço na educação e no jornalismo.. agora é a vez de testar um game para ensinar Física.

“Uma espaçonave de tamanho subatômico tem a missão de capturar partículas, identificá-las e com elas montar estruturas atômicas em outro planeta. Essa é parte da missão do Sprace Game , um jogo de computador projetado por físicos do Centro Regional de Análise de São Paulo (Sprace) da Universidade Estadual Paulista (Unesp) com o objetivo de transmitir conceitos de física de partículas para o público leigo…”

As informações são de Fábio Reynol, da Agência Fapesp.

 

Seriam os jogos sociais o futuro da indústria?

Texto de Dori Prata, do Meio Bit …. para reflexão.

Todos que acompanham a indústria de games devem ter percebido a força que os jogos sociais tem ganhado nos últimos anos e como várias produtoras estão levando alguns de seus jogos para o Facebook, serviço que está sendo tratado como uma nova plataforma para os jogos eletrônicos e a até a Game Developers Conference cedeu um espaço para o assunto.

Durante uma palestra cujo título seria algo parecido com “Como os amigos mudam tudo”, Gareth Davis do Facebook tentou mostrar como o site de relacionamento pode e está mudando a forma como conhecemos os games. Para ele, no futuro “nós não os chamaremos mais de jogos sociais, os chamaremos apenas de jogos.” (continua…)

 
 

Haiti 360º – vídeo publicado em CNN.com

Há poucos dias falamos aqui sobre o Reportaje 360º, da Colômbia, um tipo de reportagem onde, graficamente, podem-se visualizar as diferentes caras de um assunto (numa explicação das mais enxutas). Recentemente, o portal CNN.com publicou um vídeo interativo 360º para que o seu leitor possa passas pelas ruas do Haiti.

“Use o mouse para clicar sobre o vídeo e arrastar a tela para mudar a imagem. Você também pode usar ‘zoom in’ e ‘out’, pausar e retomar a qualquer momento pressionando o botão Play / Pause abaixo da tela para poder parar e observar ao redor”, orienta o portal. As cenas foram filmadas no dia 18 de janeiro, às 9h52 em Port-au-Prince, Haiti.

 

Copa do Mundo 3D

Mais um exemplo de uso de recurso dos games.

Deu no IDGNow: “Copa do Mundo 2010 poderá ser vista em 3D no Rio de Janeiro”

“A Sony e a FIFA (Federação Internacional de Futebol) anunciaram uma parceria pela qual a fabricante transmitir até 25 jogos da Copa do Mundo da África do Sul de 2010 em formato tridimensional (3D)” (continua…)

 
 

Social Games e o Facebook

Social Media, por Raquel Recuero. Ótimo Blog. Ótimos textos.

Em Social Games e o Facebook, Recuero diz: “Em outros jogos, como no FarmVille a diversão está em competir diretamente com seus amigos e verificar o quanto você consegue ser melhor que eles. De um modo ou de outro, o valor social desses jogos é potencializado pela ferramenta, que permite que os atores publiquem e dividam resultados com sua rede social, negociem presentes, compitam e cooperem de forma coletiva”.

Sobre a competição que se estabelece em alguns jogos, o amigo e colega de pesquisas em Portugal, Tiago Gomes, virá, em breve, com a sua dissertação de Mestrado discutindo todos os fatores que podem tornar um jogo motivo de sucesso, inclusive a “competição”. No caso do FarmVille, o que me leva a “jogar” é mesmo o lazer em meio à correria do dia a dia. Não jogo FarmVille para competir e até elogio as fazendas alheias – ou “quintas”, como se diz em Portugal.

Além de Recuero e Tiago, aconselho as leituras do Nélson Zagalo, outro nome a ser considerado nas pesquisas sobre jogos.

 

Videojogos na universidade

Convido-vos a visitar um blogue que sempre faz referência à área dos videojogos.. o Virtual Illusion do professor português Nélson Zagalo. Outro que vez ou outra anda às voltas do assunto é o jornalista André de Abreu.

Passando pelo Virtual Illusion, encontrei isto:

“No próximo ano lectivo 2009/2010 a oferta superior na área de Videojogos passará a contar pela primeira vez com ofertas integralmente direccionadas aos videojogos em diferentes modalidades: licenciatura e pós-graduação. Estas ofertas vêm sedimentar a área após a criação de várias cadeiras em várias universidades do país.

O IPCA será a primeira instituição nacional a oferecer uma licenciatura inteiramente versada na área: Engenharia e Desenvolvimento de Jogos Digitais.

A ESAD oferecerá a primeira pós-graduação com um valor de 45 ECTS: Pós-Graduação em Design de Videojogos. Esta formação conta com o apoio da empresa Seed Studios.”

 
 

Tags: , ,